Terceira Edição do TecAgro traz conhecimento, conexões e foco no cooperativismo

2  min

Um ecossistema de inovação com foco na tecnologia e no agronegócio, voltado a provar que é possível produzir mais, com maior qualidade e menor custo. Assim pode ser definido o Tec Agro, evento que conta com apoio da Unochapecó e do Pollen Parque, e que reúne comunidade acadêmica, mercado, indústria e produtores rurais. Entre os dias 30 e 31 de outubro, o Pavilhão Valmor Ernesto Lunardi, no parque da Efapi, recebeu a terceira edição do evento. Mais de 1800 produtores rurais e visitantes passaram pelo parque nos dois dias.

Por meio de palestras e exposições, a programação do evento conectou cases de sucesso e demonstrações de como modernizar a produção na prática, abordando o impulsionamento por meio da inovação. De acordo com Fábio José Busnello, coordenador do evento, o Tec Agro se tornou um ponto de convergência entre teoria e prática. “Estamos fundamentando um pilar da Universidade que é a extensão. Levar informação e conhecimento para esse público nos enche de orgulho e nos motiva cada vez mais quebrar fronteiras além dos portões da Universidade. Levar a informação para o produtor rural mostrando para Chapecó toda a força do homem do campo, toda a força da Universidade e também como Pollen Científico e Tecnológico que é difusor dessa tecnologia”, avalia Busnello, que também é coordenador do curso de Agronomia da Uno.

Associativismo em pauta

Neste ano, o Tec Agro teve como essência o cooperativismo e o associativismo, temática que também está intimamente ligada à formação da Unochapecó. A integração entre os setores que impactam na qualidade de vida das pessoas também simboliza a importância de fomentar eventos como esse. “O Tec Agro é fundamental no sentido de promover no processo de desenvolvimento sustentável e regional a partir do agro, principalmente aqui em Chapecó, onde a gente tem o fortalecimento desse tema. Temos aqui uma série de empresas privadas, de representantes do poder público, e a academia. No pensamento de estruturação do agro dos próximos anos, acreditamos nesse movimento que a Unochapecó faz é pensar no processo de desenvolvimento da região”, destaca o Reitor da Instituição, professor Claudio Jacoski.

Aproximação lúdica

Além dos expositores já tradicionais em feiras do ramo, como de equipamentos tecnológicos, insumos químicos e financeiras, o Tec Agro contou com um ponto de descontração e ludicidade. No estande do Pollen Parque, os visitantes puderam experimentar um game que simula o trabalho de uma colheitadeira. O simulador, criado por Douglas da Rocha e Ueliton Balbinot, fundadores da Bestrack e egressos da Unochapecó, também foi destaque na Efapi 2023. Além da estrutura do volante e dos pedais, o simulador também controla outros componentes da colheitadeira. Os periféricos desenvolvidos pela Bestrack podem ser acoplados a diversos videogames diferentes – como o Farming Simulator, da Giants Software, utilizado na feira.

Fonte: https://www.unochapeco.edu.br/noticias/terceira-edicao-do-tec-agro-traz-conhecimento-conexoes-e-foco-no-cooperativismo#next

Compartilhe

Final do Start Mais movimenta oeste e premia equipe escolar com projeto inovador

Unochapecó é reconhecida como a 9° universidade mais empreendedora do Brasil

Pollen Parque promove evento regional inédito sobre mobilidade elétrica

Junte-se a nossa lista de leitores.

Receba em primeira mão dicas e novidades sobre o Pollen Parque Científico Tecnológico!

    Deseja receber e-mails sobre os serviços do Pollen? Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.